Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Invisible Girl Daily

Sou do tipo de pessoa que molha a casa depois da banho, come doces antes do almoço, briga com amigos as vezes sem razão, come toda a pipoca durante os trailers, erra, mas afinal quem é perfeito? Aproveite a vida enquanto a tempo.

Invisible Girl Daily

I can't not again

Porque a tua felicidade deixou de passar por mim, assim num piscar de olhos. És frio, distante e sem jeito. Já não posso com esta situação. Fecho os olhos com força e tento acreditar que vai voltar a ser como era. 

Resolveste ir quando mais preciso de ti.

When me find me...

Porque a única coisa que sabes é o que tu sentes. O resto podes apenas acreditar no que te dizem, no que vês ou criar expectativas. Criares uma pessoa que é o oposto da realidade. Pensas ver um lado mas acabas por descobrir que nada desse lado era verdadeiro. Sentimentos não se devem desperdiçar, sorrisos devem ser distribuídos até para quem não merece. Porque os pequenos momentos por mais insignificantes que sejam trazem-te a felicidade do dia-a-dia.

Os dias não são fáceis mas se decidires que vais estar bem que não vais deixar ninguém interferir com o teu sorriso. Acredita corre muito melhor o dia e sentes-te muito melhor contigo e com os outros.

Nestes últimos tempos tem sido de tudo trabalhos, testes, psicóloga, os tratamentos que me doem mais na alma que fisicamente, umas quantas desilusões, uma amostra violenta de lágrimas mais do que gostaria de admitir, mas uma vontade de continuar a lutar e a tentar sorrir por muito difícil que pareça.

Now what??

E aqueles dias em que sentes que por mais gente que esteja à tua volta senteste sozinha, completamente só. Queres falar com alguém mas ao mesmo tempo não sabes quem. Não sabes quem te compreenderá, quem te dará aquele abraço, aquele conforto. Sinto-me exausta só de pensar. O dia não tem sido fácil, mas quem eu quero enganar estes dias não têm sido nenhum fácil de suportar. Não sei como continuar...

Por onde andas Vi? O que te aconteceu? Como chegaste a este ponto?

Apenas palavras


"Eu escrevo como quem vive pois as palavras também tem suas fases assim como as pessoas […]
Eu escrevo como quem sorri pois tem vezes que as palavras me são tão leves e despreocupadas quanto um simples sorriso verdadeiro […]
Eu escrevo como quem chora pois tem vezes em que as palavras me fazem desabafar… me libertam e são uma forma de expressar o que realmente esta preso dentro de mim […]

Eu escrevo com quem sonha pois com as palavras posso formar mil histórias pois as palavras são como a imaginação pois ambos são capazes de construir um mundo no qual tudo seja de certa forma uma realidade na qual eu acredito […]

Eu escrevo como que acorda pois as palavras também se encontra a luz de um despertar […]
Eu escrevo com quem dança pois quando dançamos despertamos uma felicidade enérgica que quase nos faz brilhar e é assim que nos sentimos quando encontramos as palavras certas para descrever algo que sentimos […]

Eu escrevo como quem suspira pois as palavras me trazem alivio e as vezes também tristeza […]
Eu escrevo como quem respira pois as palavras são como ar elas não podem ser tocadas mais sim sentidas por quem lê […]
Eu escrevo como quem morre pois quando terminamos de escrever nossa história só o que nos resta é por um ponto final. "